IncubaJÁ

Incubadora Juvenil de Águeda

IncubaJÁ

O PROJETO

A Incuba JÁ enquanto Iniciativa de Inovação e Empreendedorismo Social – IIES cofinanciada pela Portugal Inovação Social, estabelece-se nos dois tópicos centrais da mesma: Inovação, tratando-se da primeira incubadora juvenil em Águeda e Empreendedorismo, uma vez que prevê a capacitação dos jovens com competências chave para aprendizagem ao longo da vida e competências criativas e empreendedoras essenciais de forma a combater o problema social de exclusão e desemprego jovem.


Visa através de uma intervenção baseada em Educação Não Formal, a intervenção preventiva e facilitação da transição para o mercado de trabalho pelos jovens de modo a garantir a igualdade de oportunidades e desenvolvimento de todas as potencialidades pessoais, sociais e profissionais dos jovens.


Este projeto, surge também das boas relações estabelecidas com o Município de Águeda, que age como investidor social do mesmo e a Psientífica consubstanciando a resposta apresentada pelo Centro de Juventude de Águeda para dar resposta a este problema social.

OBJETIVOS

Objetivo geral:

Dar resposta ao problema social de desemprego jovem e exclusão social, através da implementação de um programa de capacitação inovador que permitirá aos jovens entre os 16 e os 30 anos em situação ou risco de exclusão o desenvolvimento de competências criativas e empreendedoras mobilizando todos os recursos disponíveis de forma a facilitar a transição para o mercado de trabalho. O objetivo é de criação.


Ao longo dos 18 meses pretendemos a criação do Programa INCUBA JÁ, devidamente estruturado, testado e validado junto dos beneficiários.

Objetivos específicos:

  • Estruturação do programa Incuba Já como uma iniciativa inovadora e dinâmica de forma a testá-lo e validá-lo junto dos seus beneficiários;
  • Criar um espaço inclusivo, descentralizado e desmaterializado que consiga atuar em todas as condições, de forma gratuita e acessível a todos os jovens;
  • Capacitar o jovem para o desenvolvimento de competências pessoais e sociais com base na Educação Não Formal como complemento à Educação formal;
  • Incubação de projetos sociais desenvolvidos pelos jovens;
  • Integração e/ou reintegração educativa e/ou profissional dos jovens;
  • Desenvolvimento de uma rede de empreendedorismo juvenil, que apresente uma resposta concreta e estruturada às necessidades de desenvolvimento pessoal, social e profissional dos jovens;
  • Garantir a igualdade de oportunidades e capacitação para que os jovens se tornem agentes empreendedores e com potencial de inovação nas suas ações, contribuindo para a prioridade e necessidade social europeia de criar jovens ativos e participativos na sociedade.


Esta iniciativa alavanca o crescimento e o desenvolvimento e como tal prevê-se a sua sustentabilidade e replicação sendo a primeira incubadora da zona centro norte onde o foco é o jovem, com o jovem e para o jovem!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *